Greve dos caminhoneiros paralisa rodovias contra reajuste do Diesel

maio 21 2018

Há paralisação confirmada em ao menos 18 estados, com alguns bloqueios em rodovias. Rio Grande do Sul, Paraná, Santa Catarina, Goiás, Mato Grosso, Minas Gerais, Rio de Janeiro e Bahia tinham o maior número de manifestações. Porto de Santos (SP) No início da manhã, houve manifestação no porto de Santos, que já perdeu força.

 

SP

Na rodovia Presidente Dutra, sentido São Paulo, protestos entre os km 101 e 106, na região de Pindamonhangaba, travavam o trânsito, de acordo com a concessionária CCR Nova Dutra. Em Lorena, também rumo a São Paulo.

 

MG

Em Minas Gerais, caminhoneiros bloquearam a rodovia BR-262, em Juatuba, na região metropolitana de Belo Horizonte. Durante a madrugada, chegaram e interditar a via incendiando pneus.

Rio de Janeiro (capital) – Caminhoneiros levaram seu movimento ao centro do Rio de Janeiro no início da tarde. Ao volante de cerca de 20 veículos de carga, com faróis e pisca-alerta acesos e tocando suas buzinas, por volta das 13 horas os profissionais desceram pela pista central da Avenida Presidente Vargas, no sentido Candelária.

 

MT

No Mato Grosso, maior produtor brasileiro de grãos, houve manifestação na zona industrial de Cuiabá, na BR-163.

 

DF

Também há registros de manifestações no Distrito Federal. Na região de Brasília, caminhoneiros fazem protesto na rodovia BR-040.

 

PR

No Paraná, a Polícia Rodoviária Federal informou interdições parciais em trechos da rodovia Régis Bittencourt (BR-116), na região de Quatro Barras, e da BR-277, em Paranaguá.

 

BA, CE e PE

Em Pernambuco, o protesto acontece no km 83 da BR-101, em Jaboatão dos Guararapes, na região metropolitana de Recife.

 

De acordo com a Polícia Rodoviária Federal, cerca de cem caminhões estão parados em uma das faixas da rodovia. No Ceará, cerca de 50 caminhoneiros bloqueiam trecho da BR-020. Há bloqueios também no Anel Viário, entre Fortaleza e Maracanaú.

Write a Reply or Comment